Instituto Proa capacita professores de cursos do Novotec Expresso


6 de março de 2020

Compartilhe!

Equipes de professores e gestores do Centro Paula Souza e do Instituto Proa durante treinamento realizado na Capital | Foto: Divulgação

Equipes de professores e gestores do Centro Paula Souza e do Instituto Proa durante treinamento realizado na Capital | Foto: Divulgação

Aperfeiçoar as competências socioemocionais dos jovens para que eles construam seus projetos de vida e de empregabilidade. Essa foi a proposta de um treinamento do Instituto Proa oferecido a cerca de 70 professores e gestores do Centro Paula Souza (CPS) nesta sexta-feira (6). A ideia é incluir esses temas na grade do programa Novotec Expresso.

O projeto-piloto terá início neste semestre em 34 unidades do CPS na Região Metropolitana de São Paulo, incluindo Escolas Técnicas (Etecs) e Faculdades de Tecnologia (Fatecs) estaduais que oferecem os cursos de Auxiliar de Logística, Técnicas de Vendas e Gestão de Pequenos Negócios.

Para a coordenadora de projetos de capacitação da Unidade do Ensino Médio e Técnico (Cetec) do CPS, Judith Terreiro, a iniciativa tende a ampliar cada vez mais a utilização de metodologias ativas de aprendizagem em sala de aula. “A experiência que será desenvolvida no Novotec Expresso servirá de modelo para ser replicada no dia a dia das unidades”, afirma.

De acordo com o diretor-executivo do Instituto Proa, Rodrigo Dib, as habilidades comportamentais são determinantes para o ingresso do jovem no mercado de trabalho. “Vivemos em um mundo que exige competências muito além do conhecimento profissional. Será uma grande oportunidade para o estudante aperfeiçoar seus talentos e planejar um projeto de vida”, diz.

Entre os conteúdos abordados no projeto estão autoconhecimento, valores pessoais, propósito de vida, dicas de empregabilidade e processo seletivo, empreendedorismo, uso de redes sociais, gestão de imagem, de tempo e de finanças, além de temas conectados com a realidade dos jovens da geração Z.