Superintendente do CPS participa do 1º Seminário Emprego e Renda

30 de setembro de 2019

Compartilhe!

Centenas de prefeitos interessados em parcerias para programas estivem no evento realizado no Palácio dos Bandeirantes l Foto: Divulgação

A diretora-superintendente do Centro Paula Souza (CPS), Laura Laganá, participou nesta segunda-feira (30) do 1º Seminário Emprego e Renda, Empreendedorismo e Parcerias, promovido pelas Secretarias de Desenvolvimento Regional e de Desenvolvimento Econômico no Auditório Ulisses Guimarães, no Palácio dos Bandeirantes, na Capital. Centenas de prefeitos interessados em parcerias para programas de geração de renda, qualificação profissional e simplificação tributária estiveram presentes.

No evento, foram anunciados R$ 193 milhões para parcerias com prefeituras. O Governador João Doria, que conduziu a abertura, mencionou a importância de debater esses temas com os municípios para acelerar o desenvolvimento do Estado, garantindo recursos, programa específicos e formação profissional de qualidade. “Abrimos cursos vinculados onde há potencialidade real de geração de empregos”, afirmou, ao abordar a parceria com o Paula Souza. Além dos anfitriões, secretários Marco Vinholli e Patricia Ellen, estiveram presentes os titulares da Fazenda e Planejamento, Henrique Meirelles; de Agricultura, Gustavo Junqueira; e de Infraestrutura e Meio Ambiente, Marcos Penido. 

Uma das palestrantes convidadas, Laura Laganá apresentou o Novotec, iniciativa do Governo de São Paulo para ampliar a oferta de formação profissional de jovens do Estado, executado pelo CPS. Até 2022, a expectativa é ter 400 mil matriculados nas quatro modalidades do programa. Trata-se de uma oportunidade para os municípios que não têm uma unidade do Paula Souza oferecerem os cursos da instituição. Atualmente, 300 cidades são atendidas por Faculdades de Tecnologia do Estado (Fatec), Escolas Técnicas Estaduais (Etec), por ambas ou por Classes Descentralizadas (salas com um ou mais cursos ministrados sob supervisão de uma Etec).

“Será a maior expansão do Centro Paula Souza e vamos contar com a parceria de sempre das prefeituras”, disse a superintendente. 

Novo Ensino Médio

Pelo Novotec Integrado, o Paula Souza implantará um modelo que já vem sendo testado com sucesso nas Etecs para atender à Reforma do Ensino Médio. O currículo integrado oferece o itinerário técnico dentro dessa etapa de ensino, tanto em Etecs como em escolas estaduais da Secretaria da Educação (Seduc). Para o próximo processo seletivo, cujas inscrições começam em 16 de outubro, serão oferecidas 20 mil vagas nessa modalidade.

Com capacitações de até 200 horas, o Novotec Expresso oferece cursos para competências bastante demandadas pelo mercado, como Auxiliar de Logística, Criação de Sites e Plataformas Digitais, Excel Aplicado à Área Administrativa, Programação Básica para Android, Video Maker/Youtuber e outros. Para participar, as prefeituras devem oferecer espaços para os cursos e se cadastrar no site do Programa Meu Emprego (www.meuemprego.sp.gov.br).

A modalidade Virtual oferecerá capacitações de 400 horas (dez horas semanais, durante dois semestres) por meio da plataforma da Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp), com conteúdo elaborado pelo CPS e acompanhamento de um tutor. Por fim, o Novotec Móvel consiste em capacitações de 80 e 100 horas em carretas-laboratório.