Hackathon Acadêmico tem inscrições abertas até 30 de abril

Iniciativa tem objetivo de desafiar estudantes de Etecs a desenvolver projetos de inovação tecnológica em maratona de ideação e prototipação; mentorias ocorrem em maio

20 de abril de 2023 9:19 am Etec, Projetos

Protótipos de aplicativos mobile, web e/ou produtos devem abordar Desenvolvimento Humano e Mundo do Trabalho I Imagem: Divulgação

As inscrições para a sexta edição do Hackathon Acadêmico do Centro Paula Souza (CPS) estão abertas até dia 30. Promovida pela Robótica Paula Souza, a iniciativa tem como objetivo desafiar estudantes de Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) a desenvolver projetos de inovação tecnológica por meio de uma maratona de ideação e prototipação. Os grupos podem ser formados por três a cinco alunos e as inscrições devem ser feitas pelos professores mentores no site.

O desafio é desenvolver protótipos de aplicativos mobileweb e/ou produtos de soluções que atendam ao tema Desenvolvimento Humano e Mundo do Trabalho. Confira o regulamento.

Entre os dias 3 e 5 de maio, estudantes e professores interessados em participar da sexta edição do Hackathon Acadêmico terão a oportunidade de receber mentorias de profissionais convidados, que estarão à disposição pela plataforma Discord. As informações serão enviadas por e-mail após a efetivação da inscrição. Quem quiser saber mais sobre a maratona também pode assistir à live de apresentação que ocorreu no dia 14 de março e está disponível no YouTube.

“O Hackathon Acadêmico oferece a oportunidade de os nossos alunos mostrarem seus talentos, interagirem com profissionais do mercado e trabalharem habilidades dentro de um projeto colaborativo. É uma maneira de estimular o aprendizado de forma ativa. Empresas promovem desafios nesse formato para solucionar problemas e observar o potencial dos participantes, visando contratações e prestações de serviços”, explica o coordenador da Robótica Paula Souza, Tiago Jesus de Souza.

Após as inscrições das equipes, os professores deverão organizar um evento classificatório em cada unidade e submeter até dia 10 de maio o projeto escolhido para representar a escola, conforme regulamento.

Os vencedores serão selecionados com base em critérios como inovação, relevância, viabilidade e usabilidade do projeto. As nove melhores propostas participarão de mentorias com especialistas no intuito de aprimorar o trabalho e elaborar a apresentação para a banca de jurados. A apresentação final e a cerimônia de premiação estão previstas para ocorrer no dia 29 de junho, às 9h30, na sede da Oracle em São Paulo, com transmissão pelo YouTube.

O sexto Hackathon Acadêmico do Centro Paula Souza tem apoio da Oracle Academy e da Mamute Eletrônica.

Edição anterior

A quinta edição do evento teve nove projetos finalistas que apresentaram soluções com desenvolvimento de aplicativos mobileweb e/ou produtos, para atender a três dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU): ODS 8 (Emprego decente e crescimento econômico), ODS 10 (Redução das Desigualdades) e ODS 11 (Cidades e Comunidades Sustentáveis).

A Etec Abdias do Nascimento, da Capital, conquistou o primeiro lugar com um aplicativo que busca informar e auxiliar pais de crianças com Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH) e psicólogos.

Na segunda colocação, ficou a Etec Profº Armando José Farinazzo, de Fernandópolis, com um um app de doação de roupas, objetos, alimentos e recursos financeiros, que facilita a comunicação entre pessoas interessadas em doar, instituições e pessoas em situação de vulnerabilidade social, de forma rápida e prática. Em terceiro, foi escolhido um aplicativo que auxilia a população sobre o descarte consciente de resíduos sólidos, criado por alunos da Etec Profa. Marinês Teodoro de Freitas Almeida, de Novo Horizonte. Saiba mais.

Compartilhe


Veja também