Egressos de escolas públicas são maioria no Vestibulinho do 2º semestre

Os aprovados no Vestibulinho do 2º semestre deste ano são, na maioria, solteiros, com até 23 anos, egressos de escolas públicas e renda familiar de até cinco salários mínimos. O sexo feminino tem ligeira predominância […]

23 de agosto de 2013 12:32 pm Institucional, Relatório Socioeconômico

Crédito: katemangostar | Freepik

Os aprovados no Vestibulinho do 2º semestre deste ano são, na maioria, solteiros, com até 23 anos, egressos de escolas públicas e renda familiar de até cinco salários mínimos. O sexo feminino tem ligeira predominância entre esses jovens. As informações fazem parte do Relatório Socioeconômico, que traça um perfil dos candidatos a uma vaga nas Escolas Técnicas Estaduais (Etecs).

O levantamento é realizado pela Fundação de Apoio à Tecnologia (FAT), responsável pelos processos seletivos do Centro Paula Souza. Os percentuais da pesquisa referem-se aos 50.745 aprovados que responderam ao questionário.

As mulheres são 50,85% do total. As pessoas solteiras, 78,76%. Em relação à faixa etária, 30,41% dos entrevistados têm até 17 anos. O número de alunos com idade entre 18 e 23 anos atinge o percentual de 32, 20%.

A maior parte dos entrevistados (77,71%) estudou integralmente em escolas públicas.

Por fim, a soma da renda das pessoas que moram na mesma casa que o aprovado é de até cinco salários mínimos (90,52%). Como na pesquisa o valor de referência utilizado foi R$ 545,00, esses jovens têm rendimentos familiares de até R$ 2.725,00.

Compartilhe


Veja também