CPS realiza 3ª edição do Fórum Mulher e o Mercado nesta sexta

Público pode acompanhar evento no Youtube, a partir das 9 horas; executivas de diversos setores vão debater e compartilhar suas trajetórias profissionais

6 de outubro de 2022 12:00 pm Etec, Fatec, Institucional

Evento tem o objetivo de ampliar e potencializar a preparação de meninas e mulheres para o mercado de trabalho I Imagem: Divulgação

A Unidade do Ensino Médio e Técnico (Cetec) do Centro Paula Souza (CPS) promove nesta sexta-feira (7), às 9 horas, a terceira edição do Fórum Mulher e o Mercado. O fórum online tem como objetivo potencializar a preparação e a atitude empreendedora das estudantes das Escolas Técnicas (Etecs), Faculdades de Tecnologia (Fatecs) estaduais para o mercado de trabalho. A partir da leitura dos cenários atuais, executivas de diversos setores do mundo do trabalho vão debater e compartilhar suas trajetórias profissionais. A equidade de gênero nas escolas, faculdades, no ambiente de trabalho será um dos temas centrais.

Estudantes, professores e servidores administrativos das Escolas Técnicas (Etecs) e Faculdades de Tecnologia (Fatecs) estaduais e público em geral estão convidados a acompanhar a transmissão do Fórum que acontece pelo YouTube. A programação contará com as presenças de executivas de diversas setores do mercado como a diretora de TI da Hidrovias Brasil, Ana Raquel Calais Siqueira; a Conselheira de Administração e Especialista em Governança Corporativa de Empresas Familiares, Geovana Donella; a CEO da Universia Brasil, Daniela Neves Siqueira; a especialista em tecnologia, Renata Vilenky; e a mantenedora da Faculdade de Agudos (FAAG), Marcia Vazzoler.

Para a coordenadora de projetos da Cetec Capacitações, Ariane Francine Serafim, o Fórum Mulher e Mercado é importante para fomentar o debate sobre as mulheres no mercado e dar oportunidade para os docentes da instituição conhecerem trajetórias profissionais femininas. “O fórum abre espaço para discussão sobre qual educação precisamos oferecer para as nossas estudantes”.

Para as estudantes, segundo a coordenadora, o objetivo é também inspiracional. “É importante entenderem que o mercado é para todos e que é possível chegarem onde quiserem, sonharem e desejarem”, afirma. “Não há profissões mais apropriadas ou direcionadas para um gênero ou para outro”, finaliza.

Publicação realizada de forma retroativa em respeito à legislação eleitoral.
Conteúdo elaborado entre 2 de julho de 2022 e o término da eleição estadual de São Paulo.

Compartilhe


Veja também

Governo do Estado de SP