Estado anuncia novas vagas de emprego do Minha Chance


5 de novembro de 2019

Compartilhe!

Acordo foi assinado durante cerimônia no Palácio dos Bandeirantes com a presença da vice-diretora-superintendente do CPS | Foto: Divulgação

Acordo foi assinado durante cerimônia no Palácio dos Bandeirantes com a presença da vice-diretora-superintendente do CPS | Foto: Divulgação

Com informações da Secretaria de Desenvolvimento Econômico

O Governador João Doria assinou nesta terça-feira (5) uma parceria com o Movimento Brasil Digital para abertura de novas vagas de emprego pelo programa Minha Chance. O anúncio foi feito durante coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes com as presenças da secretária de Desenvolvimento Econômico, Patricia Ellen, e da vice-diretora-superintendente do Centro Paula Souza (CPS), Emilena Lorenzon Bianco.

A parceria pretende reunir mais 33 grandes empresas, além de outros 63 empreendimentos que já estão cadastrados no portal do programa. Desse total, 27 empresas lançaram potencial de abertura de 21.960 vagas de emprego no Estado de São Paulo, que devem ser oferecidas em curto e médio prazos.

“Gerar empregos e novas oportunidades é prioridade máxima do nosso governo e o Centro Paula Souza tem a função de capacitar os profissionais para que ingressem rapidamente no mercado de trabalho”, afirmou o Governador.

“Grande parte das vagas de emprego não é ocupada por falta de qualificação. Por isso, a importância de dialogar com as empresas para oferecer cursos estrategicamente direcionados”, destacou a secretária de Desenvolvimento Econômico.

“O Centro Paula Souza tem orgulho de fazer parte de um programa tão importante para a criação de empregos no Estado. Está no DNA da instituição formar profissionais qualificados para desenvolver produtos e serviços que atendam aos mais variados setores da economia” ressaltou a vice-diretora-superintendente do CPS.

Minha Chance

Lançado no mês de maio, o programa Minha Chance é uma iniciativa da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE) em parceria com o CPS, que oferece cursos, com carga horária de 80 e 100 horas, de acordo com a demanda de empresas parceiras que cadastram suas vagas no portal minhachance.sp.gov.br.

Ao final das aulas, o aluno é encaminhado para o processo seletivo das empresas parceiras, aumentando sua chance de ser contratado. O empregador tem a vantagem de direcionar suas vagas a profissionais com boa qualificação e o trabalhador faz o curso com a perspectiva de conseguir um emprego após se formar. Os alunos podem se inscrever pelo site viarapida.sp.gov.br.

Até agora, foram formadas 38 turmas, com 1.140 alunos, em seis diferentes cursos: Almoxarife-Estoquista; Operador de Caixa; Montagem e Manutenção de Computador; Técnicas de Vendas; Espanhol para Recepção e Inglês para Recepção.

No momento, estão em execução outras 22 turmas, com 660 alunos, de nove cursos diferentes nos municípios de São Paulo (Almoxarife e Estoquista; Montagem e Manutenção de Computadores; Operador de Caixa; Técnicas de Vendas), Guarulhos (Almoxarife e Estoquista; Assistente Administrativo), Lençóis Paulista (Pedreiro – Assentador de Tijolos e Blocos) e Santos (Espanhol para Recepção; Inglês para Recepção).

Somente neste ano, já foram criados seis novos cursos customizados com a Grow (Mecânica de Patinetes Elétricos; Mecânica de Bicicletas), Amazon (Computação em Nuvem), Totvs (Suporte Básico de Enterprise Resource Planning), GM (Auxiliar de Fabricação Automotiva) e SAP (Suporte de Sistemas de Gestão Empresarial).