CPS organiza primeiro Fórum de Ação Social e Educação


11 de março de 2020

Compartilhe!

Coordenadora da Secretaria de Desenvolvimento Social do Estado, Simone Malandrino participou do evento l Foto: Roberto Sungi

Coordenadora da Secretaria de Desenvolvimento Social do Estado, Simone Malandrino participou do evento l Foto: Roberto Sungi

Com o objetivo de promover o debate sobre transformações sociais, desenvolvimento local e melhoria da qualidade de vida, o Centro Paula Souza (CPS) realizou nesta quarta-feira (11) seu Primeiro Fórum de Ação Social e Educação. A coordenadora de Ação Social da Secretaria de Desenvolvimento Social do Estado de São Paulo, Simone Malandrino, e a diretora de Capacitação Técnica e Pedagógica do CPS, Lucília Guerra, participaram do evento.

Realizado na sede do CPS, no bairro de Santa Ifigênia, na Capital, o Fórum reuniu professores, coordenadores e gestores das Escolas Técnicas (Etecs) e Faculdades de Tecnologia (Fatecs) estaduais para discutir o potencial dessas unidades no atendimento às novas demandas de desenvolvimento socioeconômico.

Em busca de soluções

Durante o Fórum de Ação Social e Educação, houve o lançamento do Terceiro Hackathon Acadêmico, que será promovido em parceria com a Oracle Brasil. Em grupos de até cinco integrantes, sob a orientação de um professor tutor, estudantes de todos os cursos das Etecs são desafiados a desenvolver projetos de aplicativos ou produtos, visando atender aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável propostos na Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU). O prazo para inscrição das propostas vai até 17 de abril, pelo site da competição – confira o regulamento completo aqui.

Com o projeto Organic, um jogo que facilita o aprendizado da disciplina de química orgânica, os alunos da Etec Machado de Assis, de Caçapava, conquistaram o primeiro lugar na segunda edição do evento em 2019. O desafio proposto pelo Hackathon no ano passado foi a criação de um aplicativo voltado à educação.