Centro Paula Souza leva tecnologia assistiva para Câmara dos Deputados


28 de janeiro de 2014

Compartilhe!

O Centro Paula Souza vai capacitar funcionários da Câmara dos Deputados, em Brasília, para implantar o Aro Magnético, uma tecnologia assistiva que auxilia pessoas com deficiência auditiva em ambientes fechados. Nos dias 28 e 29 de janeiro, especialistas da instituição estarão na capital federal para um treinamento teórico e prático.

O Aro Magnético é um amplificador de som que o equaliza de acordo com as características do local, considerando tamanho, acústica e quantidade de metal no ambiente. O aparelho é instalado no teto da sala de aula ou do auditório, captando o áudio do microfone. O deficiente auditivo sintoniza o aparelho para surdez na posição T, chamada telebobina, e recebe o som limpo, sem interferências e ruídos externos.

A tecnologia foi trazida ao Brasil pelo Centro Paula Souza, depois de uma capacitação feita com técnicos da Argentina. A vantagem do aparelho é o baixo custo e o fácil manuseio – um equipamento pequeno pode ser montado em cerca de duas horas e sai por aproximadamente R$ 50 –, além de promover a inclusão social, já que permite que deficientes auditivos ganhem melhor compreensão do que está sendo dito. O importante no processo de implantação da tecnologia é a instalação. Os ajustes de cada ambiente garantem a qualidade da recepção sonora.

A Câmara dos Deputados pretende instalar o equipamento em auditórios que recebem audiências públicas e com isso aprimorar o atendimento a pessoas com deficiência auditiva.

Produto argentino

A tecnologia do Aro Magnético foi trazida ao Brasil pelo Centro Paula Souza para auxiliar os alunos com deficiência auditiva. Foi feito um acordo de cooperação com o Instituto Nacional de Tecnologia Industrial da Argentina, em 2012. Na época, 27 professores foram capacitados. Atualmente, 20 Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) contam com a tecnologia auxiliando estudantes durante o período escolar. Neste semestre, mais seis unidades ganharão o equipamento.