Secretário participa da colação de grau de alunos de Etec

Evento foi a primeira cerimônia de colação presencial pós-pandemia e contou com a participação de estudantes, professores e servidores da Etec Getúlio Vargas

16 de dezembro de 2022 3:51 pm Etec

Secretário Bruno Caetano discursa para estudantes durante o evento da Etec Getúlio Vargas, na Capital I Foto: Roberto Sungi

O secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado de São Paulo, Bruno Caetano, participou, nesta sexta-feira (16), da cerimônia de colação de grau organizada por pais e alunos da Escola Técnica Estadual (Etec) Getúlio Vargas, localizada no bairro do Ipiranga, na Capital. Mais de 130 estudantes dos terceiros anos do Ensino Médio e dos curso integrados em Automação Industrial, Edificações, Eletrotécnica, Eletrônica e Mecatrônica participaram da comemoração.

O evento aconteceu no auditório da unidade com a presença dos alunos, professores e servidores administrativos. Diante da plateia, o secretário parabenizou a todos pela conquista e falou da importância da formação acadêmica. “A escola foi feita para formar gente e aqui na Etec vocês foram preparados para pensar e serem criativos na solução de problemas”, discursou. “Tenho certeza de que tudo o que vocês aprenderam e as relações que construíram serão levadas para a vida toda”, discursou Bruno.

O professor Evaristo Gonçalves de Oliveira, diretor da unidade, comemorou a realização da primeira cerimônia presencial desde que o País enfrentou a Covid-19. Um momento especial porque a maioria dos estudantes ingressou na Etec no primeiro semestre de 2020, quando começou a pandemia. Portanto, são alunos que cursaram a maior parte do Ensino Médio de forma remota e só tiveram a oportunidade de interagir e frequentar a sala de aula neste ano. “Muito importante poder celebrar o fim de mais um ciclo, dessa vez, com a presença de estudantes, servidores e professores”, afirmou. Segundo Oliveira, o evento simboliza um novo momento para todos que viveram os desafios impostos pela Covid. “Representa a volta da vida escolar na Etec como era antes e significa muito para todos nós.”

Sobre a Etec

Voltada unicamente à formação do Ensino Técnico em 1911, quando foi fundada, a unidade teve várias denominações: Escola Profissional Masculina, Escola Profissional e Indústria, Instituto Profissional Masculino, Colégio Industrial Estadual Getúlio Vargas, Centro Interescolar de ensino Técnico e Escola Técnica Estadual Getúlio Vargas.Em 1964, desmembrou-se em três partes: Escola Estadual de Segundo Grau Martin Luther King (Tatuapé), Escola Estadual de Segundo Grau José Rocha Mendes (Vila Prudente) e Colégio Técnico (Ipiranga). Este último, em 1972, passou a se chamar Escola Técnica Estadual Getúlio Vargas. Em 1982, a Etec foi integrada ao Centro Paula Souza (CPS).

Compartilhe


Veja também