Prêmio Eseg de Gestão anuncia as quatro Etecs vencedoras


7 de novembro de 2019

Compartilhe!

Divididos em quatro categorias, alunos das Etecs de Campinas, Fernandópolis, Mongaguá e Tupã venceram a competição l Foto: Divulgação

Divididos em quatro categorias, alunos das Etecs de Campinas, Fernandópolis, Mongaguá e Tupã venceram a competição l Foto: Divulgação

As Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) de Campinas (Bento Quirino), Fernandópolis (Prof. Armando José Farinazo), Mongaguá (Adolpho Berezin) e Tupã (Prof. Massuyuki Kawano) venceram as quatro categorias do Prêmio Eseg de Gestão. A conquista foi anunciada nesta quinta-feira (7), na sede do Centro Paula Souza (CPS), no bairro de Santa Ifigênia, na Capital. Parceria da instituição com a Escola Superior de Engenharia e Gestão (Eseg), ligada ao Grupo Educacional Etapa, o concurso científico é destinado a alunos concluintes dos Ensinos Técnico e Médio.

Estiveram presentes na cerimônia de premiação a vice-diretora-superintendente do CPS, Emilena Lorenzon Bianco; o coordenador de Ensino Superior de Graduação, Rafael Ferreira Alves; a diretora do Centro de Capacitação Técnica, Pedagógica e de Gestão, da Unidade do Ensino Médio e Técnico (Cetec), Lucília Guerra; além de representantes da Eseg. Para comemorar os dez anos de incentivo à pesquisa e ao desenvolvimento tecnológico, nesta edição o evento ganhou uma temática central: inteligência artificial.

“Com seus trabalhos acadêmicos, nossos alunos têm a chance de colocar o aprendizado em prática, o que faz a instituição ser reconhecida como uma fábrica de talentos”, declarou Emilena. “Esse reconhecimento também só é possível graças à orientação e ao incentivo dos nossos professores.”

Ao todo, estudantes de 11 Etecs apresentaram aos jurados 12 projetos criativos para a melhoria de processos ou produtos, por meio das mais diversas ferramentas de gestão. Além das quatro campeãs, também foram finalistas as unidades da Capital (Parque Belém), Hortolândia, Limeira, Piracicaba (Dep. Ary de Camargo Pedroso), Santana de Parnaíba (Bartolomeu Bueno da Silva – Anhanguera), Santo André e Vera Cruz.

“Fico muito feliz em ver a qualidade desses projetos que têm alto potencial para se transformar em soluções inovadoras para a sociedade”, parabenizou a vice-diretora-superintendente. “O meu desejo é que esse prêmio seja apenas o começo de muitas conquistas na vida desses estudantes.”

Conheça os projetos, alunos e orientadores premiados:

Categoria

Município

Escola

Projeto

Estudantes/
orientador

Controles e Processos Industriais

Fernandópolis

Etec Prof. Armando José Farinazzo

Reflorestamento autônomo com uso de drones

Isabela Zarda, Luis Telles e Maria Paulique, orientados por Fernando Landim

Gestão

Tupã

Etec Prof. Massuyuki Kawano

Briquete com resíduos da casca de amendoim

Felipe do Nascimento, Ígor Prado e Raul da Silva, orientados por Edson Tessaro Júnior

Saúde

Campinas

Etec Bento Quirino

Dispositivo para auxiliar deficientes auditivos na detecção de choro de bebês

Jonathan Melo e Victória da Cruz, orientados por Marcelus Guirardello

Tecnologia da Informação e Infraestrutura

Mongaguá

Etec Adolpho Berezin

Blindaccess – sistema de mobilidade urbana voltado para deficientes visuais

José Pecorari, Nayara Ribeiro e Victor Barreto, orientados por Graciete dos Santos