Etec Carlos de Campos reúne mini cadeiras icônicas

14 de janeiro de 2022

Compartilhe!

As alunas Luana da Silva e Vanessa Fidelis doaram a cadeira Supernatural, do britânico Ross Lovegrove | Foto: Divulgação

Confortável, ergonômica ou decorativa, a cadeira é um móvel funcional e de aconchego com lugar especial nas casas, escritórios, escolas, bares, restaurantes e até nas ruas. Tema de estudo no curso de Design de Interiores, da Escola Técnica Estadual (Etec) Carlos de Campos, a peça de função utilitária extrapolou a sala de aula e inspirou professores e alunos a montar a exposição Cadeiras Icônicas do Design. A iniciativa celebrou os 47 anos do curso de Design de Interiores e homenageou o centenário da escola, comemorado em 2021.

Com 60 exemplares, a coleção de cadeiras em miniatura reproduz modelos originais dos séculos 19, 20 e 21. Avaliado em cerca de R$ 15 mil, o conjunto de peças é formado por réplicas criadas por alguns dos ícones da movelaria nacional e internacional, como a arquiteta italiana, Lina Bo Bardi, e o moveleiro austríaco, Michael Thonet. “Esperamos que todos possam desfrutar do prazer e do encanto que o conhecimento oferece”, diz a professora Claudia Stefanalli.

Linha do tempo

O acervo inclui réplicas de modelos clássicos assinados por 37 artistas, que foram obtidos por meio de doações à Etec, contam a história de como o hábito de sentar evoluiu ao longo do tempo. A peça com design mais antigo da coleção, de 1850, é a Cadeira de Balanço de Michael Thonet. Já o desenho contemporâneo está representado pela arquiteta e designer de interiores brasileira, Roberta Banqueri. Ex-aluna da Etec Carlos de Campos, Roberta formou-se técnica em Design de Interiores, e doou uma réplica da poltrona Cacau, que leva sua assinatura e foi desenhada em 2019.

A exposição é permanente e aberta ao público. As miniaturas estão expostas em caixas com molduras de madeira e tampos de vidro restauradas pela própria escola. A curadoria da exposição é assinada pelos docentes Marcia Pinto, Maria Estela Campos e Nilton Cesar que, além do trabalho cultural de seleção dos objetos, coordenam uma força-tarefa para adquirir novos exemplares.

A primeira doação para a Etec, em 2012, foi feita pela arquiteta Brunete Fraccaroli que, na época, ocupava a presidência da Associação Brasileira de Designers de Interiores (ABD). A meta da escola é alcançar o total de 100 miniaturas, até julho de 2022.

Veja alguns modelos que estão disponíveis na exposição: