skip to Main Content

Prêmio Eseg lança sua 9ª edição com palestras para gestores

Prêmio Eseg Lança Sua 9ª Edição Com Palestras Para Gestores
O consultor Renato Manzano falou sobre a 'Ecologia nas relações' aos professores e diretores das Etecs e Fatecs | Foto: Divulgação
*Atualizado em 13/06, às 15:30

Começou nesta terça-feira, 12, a programação do Prêmio Eseg de 2018. Coordenadores e diretores das Escolas Técnicas (Etecs) e Faculdades de Tecnologia (Fatecs) estaduais participaram de atividades durante todo o dia, no auditório do Centro de Capacitações do Centro Paula Souza, na Capital. Palestras e debates tiveram como tema Liderança e Gestão de Projetos e visaram preparar as unidades para conduzir a elaboração dos trabalhos dos alunos e fomentar ideias inovadoras.

Em sua nona edição, o prêmio organizado em parceria com a Escola Superior de Engenharia e Gestão, ligada ao grupo educacional Etapa, seleciona projetos autorais dos alunos concluintes das Etecs. Neste ano, pela primeira vez, vai receber também inscrições dos estudantes dos cursos superiores de tecnologia das Fatecs. As inscrições terminam em 13 de julho, pela internet.

“O prêmio promove a cultura da inovação e do empreendedorismo com nossos alunos e estimula nosso professor a pensar a sala de aula de maneira diferente”, diz a responsável pelo Centro de Capacitação Técnica, Pedagógica e de Gestão do Paula Souza Lucília Guerra. “Nós sabemos que o estudante sai de uma experiência como esta transformado, após uma situação que espelha muito o que o mercado propõe.”

Retrospecto

Em 2017, foram premiados quatro trabalhos científicos desenvolvidos em Etecs. Na final, realizada em novembro, os estudantes exibiram para uma banca de jurados os resultados obtidos em meses de pesquisa e aprimoramento.

Os vencedores foram Tecnologia QR Code a favor da informação e cultura, da Etec Aristóteles Ferreira, de Santos, na categoria Gestão; Adubo orgânico proveniente do lodo de estação de tratamento de esgoto com adição de fósforo e potássio extraídos da casca da banana, da Etec Trajano Camargo, de Limeira, na área de Controle e Processos Industriais; Médico agora, da Etec Parque da Juventude, na Capital, categoria Tecnologia da Informação e Infraestrutura;  e Sabonete repelente a partir da reciclagem do óleo doméstico, da Etec de Cubatão, na categoria Saúde.

Back To Top