skip to Main Content

Paula Souza e maior rede de ensino tecnológico de Quebec estudam parceria

Paula Souza E Maior Rede De Ensino Tecnológico De Quebec Estudam Parceria
Crédito: Divulgação | Representantes do Cégeps e do Centro Paula Souza estiveram reunidos em São Paulo

O Centro Paula Souza (CPS) planeja enviar ainda neste ano uma equipe de pesquisadores para Quebec, cidade localizada na costa leste do Canadá, com o objetivo de conhecer a rede Cégeps, que possui os centros de ensino tecnológico considerados os mais sofisticados do mundo. Nesta terça, 15, representantes da província canadense visitaram a sede do CPS e a Faculdade de Tecnologia do Estado (Fatec) São Paulo, com interesse especial nos laboratórios.

As possíveis áreas de colaboração já estão definidas: Eletrônica Industrial, Fotônica, Jogos Digitais e Realidade Aumentada, Aeronáutica, Agricultura Orgânica e de Proximidade. O projeto final está sendo desenhado. Estão sendo avaliadas, também outras propostas, como intercâmbio de professores e alunos, transferência de tecnologia e estágios em empresas dessas áreas.

“Foi muito interessante ver o que só conhecíamos pela internet”, disse a coordenadora de assuntos internacionais da Fédération des Cégeps, Nathalie Dubois, ao deixar a Fatec. Ela destacou a importância de as partes conhecerem bem o trabalho uma da outra, para que possam avançar num futuro compromisso. Nathalie estava acompanhada de Richard Laroche, diretor adjunto da CollègeAhuntsic, o maior Cégeps de Montreal, com 7 mil alunos e 600 professores; e de Thaís Marini Aun, diretora da representação paulista do Ministério das Relações Internacionais e de Francofonia de Quebec.

Para Oswaldo Massambani, coordenador da Agência Inova Paula Souza, interface do CPS com os canadenses, essa parceria poderá trazer novas possibilidades não só de transferência de conhecimento e tecnologia, mas também no que diz respeito à aproximação entre instituição de ensino e setores da economia. “É importante que as escolas ajudem as micro e pequenas empresas.”

Conhecer como os Cégeps e os Centros de Transferência de Tecnologia interagem com o setor empresarial local é um dos objetivos da viagem a Quebec. Ainda sem data definida, a ida ao Canadá será custeada por parte da verba recebida da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) pelo projeto apresentado pelo Paula Souza dentro do programa de Pesquisa de Política Pública da instituição de fomento, com o objetivo de aumentar a colaboração entre as unidades do CPS e o setor produtivo.

Cégeps

A rede Cégeps (Collège d’Enseignement Général et Professionnel) é parte de uma estrutura de ensino específica da Província de Quebec, que inclui um nível intermediário entre o médio e o universitário. A instituição oferece dois tipos de programa: pré-universitário, com duração de dois anos, após os quais o aluno entrará na universidade; e técnico ou profissionalizante, com duração de três anos. Depois do curso, o estudante poderá tanto continuar sua formação numa universidade como ingressar direto no mercado de trabalho. Ao todo, a rede tem 48 unidades de ensino tecnológico, com 175 mil alunos, e 48 centros de transferência de tecnologia.

Back To Top