Centro Paula Souza
Governo de São Paulo
  • |
  • |
  • |

Pesquisar

 
 

Etec de Suzano desenvolve pomada cicatrizante a partir da clorofila do espinafre


20 de Março de 2017

Empenhados em descobrir e aproveitar cada vez mais os inúmeros benefícios que a clorofila pode trazer para melhorar a saúde e a qualidade de vida das pessoas, três estudantes da Escola Técnica Estadual (Etec) de Suzano desenvolveram uma pomada cicatrizante utilizando espinafre como matéria-prima.

Batizada de Chlorophyll Ointment, pomada de clorofila em inglês, a pesquisa foi desenvolvida nos laboratórios da Etec durante um ano pelos então alunos e hoje técnicos recém-formados em Química.

O trabalho será um dos 19 projetos de 17 Etecs do Estado que participam da 15ª edição da Feira Brasileira de Ciências e Engenharia (Febrace), que começa nesta terça-feira, 21, e vai até quinta, 23, no campus Butantã da Universidade de São Paulo (USP), na Capital. Saiba mais

O poder do espinafre

Victor Gonçalves de Sousa, Rafaela de Oliveira e Sabrina Gardiano foram orientados pelo professor Cesar Tatari, que é formado em Química, com pós-graduação em Química Tecnológica Industrial. Eles criaram uma fórmula que utiliza como princípio ativo um recurso abundante na natureza e processos bem menos complexos de produção que outros fármacos com a mesma finalidade.

“Ao observarmos as semelhanças entre as moléculas da clorofila e da hemoglobina, decidimos fazer o experimento utilizando espinafre, uma das verduras que contém a maior concentração de clorofila”, explica Victor. A hemoglobina é a proteína presente nos glóbulos vermelhos do sangue. Ela transporta o oxigênio que estimula a regeneração das células, contribuindo para o processo de cicatrização de feridas.

A ideia do grupo é lançar no mercado um produto até 70% mais barato em comparação a outras pomadas cicatrizantes. “Estamos em contato com empresas e institutos de pesquisa para conseguir apoio e fazer o teste de eficácia da fórmula. Esse será o primeiro passo para tentar aprovação nos órgãos competentes”, ressalta o estudante.

Premiações

O projeto venceu a 7ª edição do Prêmio Eseg de Gestão, promovido pelo grupo Etapa em parceria com o Centro Paula Souza. O grupo também foi premiado na Mostra de Trabalhos de Cursos Técnicos do Colégio Técnico da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e na 4ª Mostra de Ciências e Tecnologia do Instituto 3M, na qual ficaram em primeiro lugar na categoria Ciências Exatas e da Terra.

Com o resultado, a equipe obteve o credenciamento para participar da Febrace e ganhou uma mentoria de seis meses com técnicos do instituto que irão auxiliá-los a dar continuidade ao projeto.

“A maior conquista dos jovens foi conseguir superar desafios e provar que o método proposto por eles está no caminho certo, atraindo a atenção e o reconhecimento de outros profissionais e pesquisadores. Toda essa experiência também contará como um diferencial no aprendizado”, afirma o orientador Cesar Tatari.




Foto: Gastão Guedes

Rafaela de Oliveira, orientador Cesar Tatari e Victor Sousa
durante cerimônia de entrega do 7º Prêmio Eseg de Gestão

  • Twitter
  • Facebook
  • Tumblr
  • YouTube
  • Picasa
  • Snapchat
  • Instagram
  • Linkedin
  • Linkedin
  • Compartilhar
 

Notícias


Mais notícias


Mapa do Site Mapa do Site

© Copyright 2016 - Centro Paula Souza - Todos os direitos reservados - Desenvolvido por AssCom