skip to Main Content

Fatec Carapicuíba cria simulador de direção de baixo custo para autoescolas

Fatec Carapicuíba Cria Simulador De Direção De Baixo Custo Para Autoescolas
Crédito: Divulgação | Rafael Nillo com o protótipo do Traffic Simulator, durante a Campus Party Brasil, no final de janeiro

O aluno do curso superior de Jogos Digitais da Faculdade de Tecnologia do Estado (Fatec) Carapicuíba, Rafael Nillo, de 32 anos, viu na obrigatoriedade do uso de simuladores de direção em autoescolas uma oportunidade para criar o Traffic Simulator, uma alternativa para diminuir o alto custo dos equipamentos que existem no mercado.

Com um laptop, uma carcaça de fonte de computador e um volante usado em jogos de corrida de video game, Rafael resolveu montar um simulador de direção que trouxesse maior versatilidade para as autoescolas. “A parte eletrônica dos simuladores convencionais fica acoplada à estrutura física, limitando o dispositivo a operar somente em uma determinada categoria de habilitação”, explica o estudante.

A vantagem do projeto é que os mecanismos eletrônicos – instalados dentro da carcaça de fonte de computador no protótipo – funcionam de forma independente, permitindo a substituição de peças. “Com o Traffic Simulator, as autoescolas poderão substituir os controles com facilidade, simulando direção de carro, moto, caminhão e ônibus, com o uso de um único equipamento”, afirma o aluno.

A exigência das aulas em simuladores, por enquanto, contempla somente a categoria B, a de carros de passeio. Segundo a resolução 573/2015 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), o uso de aparelhos de realidade virtual pode ser aplicado de forma opcional também em outras categorias.


Mostra tecnológica

O Traffic Simulator foi um dos 62 projetos de estudantes de todo o País selecionados para a mostra acadêmica da Campus Party Brasil 2016, que ocorreu no final de janeiro, no Pavilhão de Exposições do Anhembi. O Centro Paula Souza contou com sete trabalhos expostos no evento. A Fatec Carapicuíba recebeu o troféu de Destaque da mostra. Saiba mais sobre o prêmio.

O protótipo do Traffic Simulator ficou à disposição para ser testado pelos visitantes da exposição e chamou a atenção do curador de simulação da Campus Party, Mario Chapela. “O conceito do projeto é ótimo. Com o aprimoramento dos recursos, terá condições de ser exposto futuramente na área de entretenimento do evento”, disse.

Para o coordenador do curso de Jogos Digitais da Fatec Carapicuíba, Alvaro Gabriele Rodrigues, a iniciativa demonstra que a linguagem dos games pode ir além do universo da diversão. “As simulações virtuais estão ganhando cada vez mais espaço na reprodução de ambientes reais, permitindo a descoberta de novas soluções de mercado, como é o caso do uso de simuladores em autoescolas”, afirma.

Back To Top