skip to Main Content

Etecs levam soluções ambientais para a 13ª Febrace

Etecs Levam Soluções Ambientais Para A 13ª Febrace
Crédito: Divulgação | No ano passado, alunos de Franca desenvolveram um calçado mais seguro para bombeiros e conquistaram o segundo lugar em uma das categorias

A crise hídrica e a reciclagem de resíduos são alguns dos temas que motivaram os projetos que as Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) apresentam a partir desta terça-feira (17) na 13ª Feira Brasileira de Ciência e Tecnologia (Febrace). Ao todo são 19 trabalhos que chegaram à etapa final do evento, que será realizado no campus da Universidade de São Paulo (USP).

Os projetos das Etecs concorrem nas categorias: Engenharia, Ciências Exatas e da Terra, Humanas, Sociais Aplicadas, Biológicas, da Saúde e Agrárias.

Organizada pelo Laboratório de Sistemas Integráveis da Escola Politécnica da USP, a Febrace tem como objetivo incentivar os jovens a usarem imaginação, criatividade e inovação no desenvolvimento de projetos científicos.

Os vencedores em cada área serão contemplados com medalhas, troféus, certificados e equipamentos eletrônicos, além de prêmios institucionais, como estágios, bolsas de estudo e visitas monitoradas às empresas parceiras. A cada edição da Febrace são selecionados nove projetos para participar da Feira Internacional de Ciências e Engenharia (Intel ISEF) – a maior feira de ciências e engenharia do mundo.

Conheça alguns dos projetos desenvolvidos por alunos das Etecs, que podem ser vistos de terça a  quinta-feira na USP. A cerimônia de premiação será na sexta-feira, a partir das 13 horas.

Produção de etanol e energia a partir da casca do coco verde descartado – Etec Trajano Camargo, de Limeira
A crise hídrica tem afetado a produção de cana no Estado de São Paulo e, consequentemente, o etanol. Os alunos de Limeira encontraram uma alternativa para a produção do combustível na casca de coco verde.

Cimenteco: o cimento ecológico a partir da reciclagem de couros descartados – Etec Prof. Carmelino Corrêa Júnior, de Franca
Estudantes de Franca conseguiram transformar retalhos de couro das fábricas de calçados em cimento. Eles extraíram o cromo, que é tóxico, e ainda conseguiram que a produção fosse livre de gás carbônico.

A influência das hortaliças no desenvolvimento da “Síndrome do bebê azul” – Etec Prof. Carmelino Corrêa Júnior, de Franca
Para mostrar que é possível combater a contaminação de bebês por fertilizantes – ingerido nas papinhas e por meio da amamentação – alunos criaram um fertilizante sem nitrato a partir de resíduos de couro.

Sustentabilidade e eficiência em armazenamento de água – Etec Prof. Marcos Uchôas dos Santos Penchel, de Cachoeira Paulista

O sistema de captação de água da chuva criado por um estudante da Etec de Cachoeira Paulista é semelhante a outros desenvolvidos por conta da crise hídrica. O diferencial deste projeto é o uso de carvão no filtro, para reduzir odores e ampliar as possibilidades de uso da água captada.

A mostra de finalistas da Febrace ocorre no estacionamento da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP), na Avenida Professor Luciano Gualberto, travessa 3, nº 380, Cidade Universitária. A entrada é gratuita. Na internet está disponível a programação paralela ao evento.

Back To Top