skip to Main Content

Apps finalistas do StartUp in School passarão por voto popular

Apps Finalistas Do StartUp In School  Passarão Por Voto Popular
Crédito: Divulgação | Etec Benedito Storani, em Jundiaí

Estão definidos os projetos finalistas do StartUp in School, projeto do Ideias de Futuro, Google e Centro Paula Souza nas Escolas Técnicas Estaduais (Etecs). Agora, alunos dos Ensinos Médio,  Técnico e Técnico Integrado ao Médio irão apresentar 11 aplicativos para votação popular.

Cada escola classificou um projeto, com exceção da Etec Jorge Street, de São Caetano do Sul, que teve um empate e classificou dois projetos. Os trabalhos serão submetidos a uma nova avaliação, dessa vez pela internet. Para isso ser possível, cada grupo precisa enviar um vídeo falando de seu aplicativo até 15 dias depois da conquista da vaga na final.

Os vencedores serão conhecidos após o cômputo de três diferentes análises: opinião do público, top inovação e melhor aplicativo – as duas últimas categorias, votadas por jurados do programa. Essa nova etapa de competição começa em 19 de outubro, data em que também tem início a Feira Tecnológica do Centro Paula Souza (Feteps), evento que terá uma ação de divulgação dos aplicativos dos alunos finalistas.

As propostas são abrangentes e atendem a várias demandas sociais. Há aplicativos voltados para facilitar o contato de idosos com o celular em casos de emergência, plataformas para estudantes se organizarem, para localização de serviços e para pessoas com deficiências por exemplo, como é o caso do Independence, da Etec Rosa Perrone Scavone, de Itatiba. O grupo se classificou com um app que reúne informações sobre ambientes inclusivos para surdos. A ideia surgiu de vivências de um dos integrantes da equipe, que levou o conhecimento do seu trabalho para o projeto.

Os três projetos escolhidos após a segunda fase de classificação participarão de um Day Camp no campus de São Paulo do Google e receberão apoio para dar andamento a seus aplicativos. “Ficamos muito satisfeitos com o engajamento dos alunos ao longo do programa e a qualidade dos projetos apresentados. Eles certamente construíram conhecimentos que levarão para toda a vida. Não é fácil trocar de papel de usuário da tecnologia para criador de novas soluções, e os alunos cumpriram o desafio com louvor, nos surpreendendo a cada etapa”, diz Jaciara Cruz, do Ideias de Futuro.

Passo a passo

As eliminatórias ocorreram entre maio e setembro nas escolas. Em dois dias de atividades, alunos de diferentes cursos se uniram em grupos para projetar uma startup baseada em um app para plataforma móvel e que tinha como objetivo solucionar algum problema do cotidiano.

Os estudantes foram instruídos por uma equipe de profissionais e receberam diversas lições sobre empreendedorismo e planejamento estratégico. “A maior lição foi ver o impacto da diferença de pensamentos e entender que em grupo se trabalha melhor que sozinho”, pontua Alisson Quaresma Vassopoli, da Etec Dra. Ruth Cardoso, de São Vicente, que vai disputar a final com a proposta de uma espécie de rede social em torno da prática de esportes e outras atividades de lazer na cidade.

Veja abaixo um resumo dos projetos:

Eliminatória ETEC App Descritivo App
7/mai – Sebrae (Capital) SOS Fácil Realiza chamadas de emergência com facilidade. É voltado para idosos ou pessoas que necessitem de cuidados especiais.
21/mai Jorge Street (São Caetano do Sul) InVest Organiza a rotina dos estudantes por meio da administração da agenda de estudos e disponibilização de materiais.
Walp Plataforma que disponibiliza informações dos projetos das ONGs, possibilitando a conexão com potenciais doadores/voluntários.
11/jun Guaracy Silveira (Capital) Livro Livre Plataforma para troca de livros e interação entre os usuários, incluindo opiniões e rankings dos exemplares.
11/jun Rosa Perrone Scavone (Itatiba) Independence Reúne informações sobre locais ‘amigáveis’ para deficientes auditivos, em que eles próprios contribuem para o conteúdo do app.
20/ago Dra.Ruth Cardoso (São Vicente) Do2Gether Reúne pessoas com interesses em comum para a prática de esportes e atividades de lazer na cidade.
20/ago Parque da Juventude (Capital) Arrumei Plataforma de vizinhança colaborativa com anúncio e troca de serviços gerais e domésticos entre vizinhos.
03/set São Paulo (Etesp) (Capital) CareKids Facilita a identificação do hospital com atendimento infantil melhor e mais próximo, em caso de emergência com crianças.
03/set Bento Quirino (Campinas) Event Go Reúne informações de eventos e atividades na cidade, baseadas no perfil do usuário e conecta pessoas via chat. Tem ainda possibilidade de caronas. Promove socialização.
24/set Etec Profª Drª Doroti Quiomi K. Kanashiro (Capital) Mob Fácil Reúne informações de eventos em geral (lazer, esportes e cultura) com melhor acessibilidade para pessoas portadoras de necessidades especiais.
24/set Benedito Storani (Jundiaí) Fage Reúne informações sobre produtos orgânicos disponíveis para venda, conectando produtores diretamente com os consumidores finais.

 

Apps finalistas do StartUp in School passarão por voto popular

Back To Top