skip to Main Content

Alunos do Centro Paula Souza apresentam projetos inovadores na Campus Party Brasil

Alunos Do Centro Paula Souza Apresentam Projetos Inovadores Na Campus Party Brasil
Crédito: Reprodução | Simulador de direção com materiais de baixo custo para treinamento de alunos em autoescolas é um dos projetos expostos

Os alunos das Faculdades de Tecnologia do Estado (Fatecs) Carapicuíba e Cotia começam a apresentar a partir de amanhã, 27, projetos selecionados para participar da exposição universitária da 9ª edição da Campus Party Brasil.

Considerado um dos maiores eventos de tecnologia, inovação, criatividade e cultura digital do mundo, a Campus Party Brasil 2016 começou nesta terça-feira, 26, e vai até domingo, 31, no Pavilhão de Exposições do Anhembi, na Capital.

No total, sete trabalhos do Centro Paula Souza (CPS) serão expostos entre 62 projetos universitários de todo o País no Programa Campus Future, um espaço localizado dentro da Campus Experience, área de acesso gratuito, por onde devem passar cerca de 120 mil pessoas durante o evento.

A Campus Future funciona como uma maratona de interatividade e troca de experiências, além de oferecer ao público a oportunidade de experimentar os protótipos e interagir com as invenções dos estudantes.
Os três melhores trabalhos receberão certificados e troféus. A universidade vencedora ganhará o troféu Destaque Campus Future. O diretor da agência Inova Paula Souza, Oswaldo Massambani, será um dos avaliadores dos projetos inscritos pelos demais institutos de ensino.

Parceria

A agência Inova firmou um acordo com a organização da Campus Party Brasil 2016 que concedeu desconto de 35% na compra de entradas para alunos, professores, servidores e estagiários do Centro Paula Souza interessados em participar como público-geral e “campuseiros” do evento. O prazo para solicitação do desconto já foi encerrado.

Confira os projetos do CPS na Campus Party 2016:

27 de janeiro (quarta-feira)

HoloArena: O uso da Holografia em um Jogo Digital
Fatec Carapicuíba
Orientador: Carlos Alberto Paiva
Aluno: Vitor Borghi Barros
Jogo digital reproduzido com efeito de holograma a partir da técnica Pepper´s Ghost Pyramid para smartphone. Além do processo holográfico, o game responde a entradas com comando de voz.

Batalha de robôs com realidade aumentada
Fatec Carapicuíba
Orientador: Thiago Xavier
Aluno: Bruno Girardi
Batalha de robôs reais montados com Arduíno e controlados via controle remoto. Ao mesclar game e robótica, os efeitos e a visualização da batalha são virtuais e aparecem em uma tela de smartphone, computador ou TV em realidade aumentada.

28 de janeiro (quinta-feira)

Leitor de Ondas Cerebrais – Game que auxilia na integração entre paciente e cuidador
Fatec Carapicuíba
Orientadora: Patricia Lima Rocha
Aluno: Paulo Fabian da Silva
Jogo digital controlado por ondas cerebrais via dispositivo NeuroSky MindWave, que capta as emissões do usuário e as transforma em inputs na recepção. O game auxilia na comunicação com pacientes que sofrem de Acidente Vascular Cerebral (AVC).

Óculos Angoera – Realidade Virtual
Fatec Carapicuíba
Orientador: Thiago Xavier
Aluno: Phillipi Unger Lino
Óculos de realidade virtual de baixo custo de produção e acessível ao público geral. Equipamento pode ser utilizado nas plataformas mais difundidas entre o público gamer.

Simulador de Direção de Baixo Custo Modular
Fatec Carapicuíba
Orientador: Alvaro Gabriele Rodrigues
Aluno: Rafael da Costa Nillo
Treinamento de alunos de autoescolas por meio de um game que simula a direção de um veículo. O dispositivo faz a análise do comportamento do condutor no trânsito durante o jogo e avalia se ele está qualificado para obter a carteira de habilitação.

29 de janeiro (sexta-feira)

O limite entre a referência e plágio em um jogo digital
Fatec Carapicuíba
Orientador: Renata Giovanoni di Mauro
Aluno: André Vinicius Gois Moreira
Dois modelos de jogos digitais, um com elementos plagiados e outro que traz criações originais inspiradas em games consagrados no mercado com a ideia de expor conceitos de referência e plágio.

Jogo de palavras com teclados recicláveis
Fatec Cotia
Orientador: Luiz Cezar Pena
Alunas: Fátima Lacher e Tatiana Pereira Costa
Transforma teclados descartados como lixo eletrônico em um jogo de palavras, com baixo custo, que pode ser utilizado em processos de alfabetização. Na exposição, o público será convidado a participar do jogo. 

 

Serviço:
Campus Party Brasil 2016
26 a 31 de janeiro
Centro de Exposições Anhembi
Entrada para mostra acadêmica é gratuita. As outras atrações são fechadas e pagas

Mais informações: http://brasil.campus-party.org

Alunos do Centro Paula Souza apresentam projetos inovadores na Campus Party

Back To Top