skip to Main Content

Aluno da Fatec Taquaritinga abrirá startup no Vale do Silício

Aluno Da Fatec Taquaritinga Abrirá Startup No Vale Do Silício
Crédito: Divulgação | Gabriel Cantarin exibe interface da nova rede social que promete ser uma alternativa ao Facebook

Gabriel Cantarin, estudante de Análise e Desenvolvimento de Sistemas da Faculdade de Tecnologia do Estado (Fatec) Taquaritinga, embarcou na última segunda-feira, 8, para Sunnyvale, cidade que faz parte da região do Vale do Silício, no estado norte-americano da Califórnia.

Na bagagem, o aluno de 21 anos levou seu notebook e o desejo de se tornar um novo Mark Zuckerberg das mídias digitais. Inspirado na história de sucesso do programador que inventou o Facebook, Gabriel Cantarin abrirá uma startup na Califórnia e apresentará seu projeto de criação de uma rede social baseada em geolocalização, o Waving, a uma equipe de investidores ligados à Plug and Play Tech Center, uma das principais aceleradoras de startups do mundo.

A rede social tem características semelhantes ao Facebook, como perfil, timelinefeed, postagem de fotos, vídeos, compartilhamentos e chat. O diferencial, segundo o autor, será a possiblidade de ver na tela o que acontece ao redor e conhecer novas pessoas que estão próximas ao local em que o usuário se encontra.

“Em vez de adicionar somente quem já é conhecido, o Waving nos estimula a fazer novas amizades. O aplicativo permitirá uma integração por meio de afinidades e outras informações que as pessoas queiram compartilhar”, explica Gabriel.

Durante seis meses, ele e seu sócio Charleston Anjos, de 22 anos, elaboraram um plano de negócios orientados via internet pela gerente da Plug and Play, Roja Amrollah. Eles foram contatados pela gestorapor meio da rede social internacional angel.co, voltada para startups.

O jovem amadureceu a proposta enquanto recebia apoio jurídico, administrativo e de marketing da aceleradora por meio da gerente de negócios, que o convidou a tentar um aporte de 500 mil dólares junto aos investidores estrangeiros.

Essência criativa

“A ideia chamou atenção pela sua essência criativa e inovadora, e também por ter um plano de negócios bem estruturado com alto potencial de mercado”, enfatiza o coordenador regional da Agência Inova Paula Souza, Gustavo de Souza Gabriel, que é professor de Direito e Empreendedorismo da Escola Técnica Estadual (Etec) de Ibitinga, onde Cantarin se formou técnico em Informática, antes de ingressar na Fatec.

O desenvolvimento do projeto foi feito com o apoio do coordenador da Inova Paula Souza e mentoria do empresário do ramo de tecnologia André Bianchi, que é diretor de Negócios da regional da Associação Brasileira dos Agentes Digitais (Abradi-ISP). “Gabriel terá acesso a uma rede de contatos, troca de informações e experiências que irão transformar sua vida, além de ampliar horizontes profissionais e de negócios”, ressalta Bianchi.

O estudante conta que pretende aperfeiçoar seu projeto nos próximos seis meses para lançá-lo durante a Olimpíada, em agosto. “Será uma oportunidade para conectarmos gente de diferentes nacionalidades durante os jogos”, afirma.

Saiba mais no site www.waving.com.br

Back To Top